The 405 faz seu review do “CAMILA”

17 jan 2018

O site The 405 fez seu review do Camila recentemente, dando a nota 6/10. Confira o review traduzido abaixo:

A entrada em um grupo pop para ter uma carreira solo é algo que todos estamos acostumados agora. Uma trajetória segura comercialmente, vista pelo sucesso recente de Harry Styles e os membros subsequentes do One Direction. Dos Beatles ao N’SYNC para os Jacksons ao Girls Aloud essa narrativa é firmemente encorporada na nossa cultura musical e é quase inevitável. Sem mencionar a rainha Bey.

A saída de Camila Cabello do produto do The X Factor, Fifth Harmony segue a mesma história banal, o impulso de sair para liberdade criativa, a perseguição pública das antigas colegas de banda, tudo isso. Por mais compreensível que seja a situação, esse arco é uma narrativa construída do Fifth Harmony. O maior single do grupo “Work From Home” é um exemplo estelar de dança pop: perfeita para a playlist do seu clube menos favorito com notas B.

Além dessa ser a estreia de Cabello, simplesmente intitulado Camila, se encaixa com o gosto de momentos bonitos; as cordas de órgão que abrem “Never Be The Same“, o sulco infeccioso de “Havana” e os vocais duplicados em “In The Dark“. Camila é uma vocalista competente que pode facilmente deixar um gancho memorável, contudo seu disco cai um pouco por fazer coisas demais. Serve muitos tópicos pop – a balada pós-Sheeran “All These Years” e “Real Friends“, a infusão tropical “Inside Out“, e mais, fazem o disco ser excessivamente homogêneo com o Top 40 antes de sua chegada.

Se uma coisa pode ser tida, as faixas eletropop diminuem as faixas orgânicas e instrumentais em qualidade. Sons menos previsíveis, restritivos e genéricos. Camila não é de modo algum uma estreia ruim, mas que, em última análise, não é memorável. Dito isso, é a rara estrela pop que chega com confiança o suficiente para oferecer um álbum com uma visão coesa em sua primeira vez. Cabello está achando seus passos, e com mais balanços do que a falta dele, o álbum mostra um futuro esperançoso para uma gigante do pop.

 

Fonte: The 405

Tradução/Adaptação: Equipe CCBR

Comments

comments

COMENTÁRIOS